Postado em 06 de Maio de 2016 às 19h35

As pedaladas fiscais da prefeitura de Chapecó

Chapecó - Realizando o papel de fiscalização do poder executivo, o vereador Cleiton Fossá identificou que a prefeitura de Chapecó parcelou dívidas em desacordo com a legislação, gerando prejuízo ao Fundo Previdenciário (Simprevi), ou seja, ao erário. Conforme Fossá, o ato pode configurar crime de responsabilidade. Entre dezembro de 2014 e maio de 2015, a atual administração deixou de repassar a contribuição previdenciária dos servidores públicos, valor que ultrapassa R$ 5 milhões. 'Para que usaram esse dinheiro'Não bastasse os problemas na Efapi 2013 e a alta dívida pública municipal, agora temos as pedaladas fiscais em Chapecó'.

Veja também

Fossá critica gestão pública de Chapecó16/02/16 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá usou a tribuna da Câmara de Chapecó nesta semana para citar o gastos excessivos da prefeitura de Chapecó, que comprometem investimentos com recursos próprios. O parlamentar utilizou dados do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para ilustrar que a administração municipal elevou seus gastos em relação ao que arrecadou nos últimos oito anos. Conforme o TCE, em 2008, Chapecó tinha......
Licitações na Justiça se tornaram rotina em Chapecó25/09/17 Chapecó - O recente caso da decisão liminar que decretou a indisponibilidade de bens do prefeito Luciano Buligon e mais três pessoas é somente mais exemplo de licitações em Chapecó que foram parar nos tribunais, todas por indícios de direcionamento. O......

Voltar para NOTÍCIAS