Postado em 11 de Novembro de 2015 às 17h19

Base governista rejeita Audiências Públicas

Bairro Efapi (4)Chapecó (304)Cleiton Fossá (314)Marechal Bormann (4)Vereador (224)
Chapecó - A base governista na Câmara de Vereadores de Chapecó rejeitou nesta semana a realização de duas Audiências Públicas em comunidades de Chapecó, ambas de autoria do vereador Cleiton Fossá. Após a votação, Fossá criticou a falta de aproximação do poder legislativo da população e afirmou que voltará a fazer pleitos no sentido de atender as demandas de Chapecó. Através do requerimento 009/15, Fossá solicitava encontro no Distrito de Marechal Bormann para tratar sobre diversos problemas daquela comunidade, como a falta de segurança, de iluminação pública e de abastecimento de água, problemas no transporte coletivo e recolhimento de lixo, ausência de telefones públicos, além da regularização fundiária e outros pleitos dos moradores. Já no requerimento 366/15, Fossá pedia uma Audiência Pública para debater a destinação de uma área verde para a instalação de um Parque na região do bairro Efapi. 'É notória a necessidade, no bairro Efapi, de uma área que seja referência àquela comunidade para atividades de lazer, cultura e esporte', disse o vereador. Fossá salientou que seguirá em frente com essas duas pautas.

Veja também

Fossá palestra sobre acessibilidade nas escolas20/05/14 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá participou na noite de segunda-feira (19) do seminário sobre acessibilidade nas escolas, promovido pela 8ª fase do curso de Pedagogia da UFFS, juntamente com o atleta paradesportivo Ademir Moro. Na palestra, o vereador abordou sobre os avanços e desafios que os portadores de deficiências enfrentam, bem como alguns de seus projetos na Câmara de Vereadores voltados à área da......
Fossá pede saída de Pelicioli da Câmara10/04/14 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá subiu quarta-feira (9) à tribuna da Câmara de Vereadores de Chapecó para pedir a saída do vereador Dalmir Pelicioli, recentemente condenado, em primeira instância, pelo crime de improbidade administrativa, quando esse foi......

Voltar para NOTÍCIAS