Postado em 27 de Abril às 17h19

Coronavírus: Pessoas com sintomas gripais poderão ser testadas e notificadas

Cleiton Fossá | Vereador        Nesta segunda-feira (27) a prefeitura de Chapecó informou que 22 pessoas estão infectadas com o novo coronavírus. O número equivale ao dobro de casos confirmados...

       Nesta segunda-feira (27) a prefeitura de Chapecó informou que 22 pessoas estão infectadas com o novo coronavírus. O número equivale ao dobro de casos confirmados até na sexta-feira (24). 

       Este aumento reflete nas mudanças da realização de testes e a flexibilização das medidas de isolamento social no município, de acordo com as informações repassadas. 

       No início da pandemia, eram testadas somente pessoas que haviam realizado viagens para o exterior ou para capitais que apresentavam alto índice de casos confirmados.

       Posteriormente, pacientes que apresentavam sintomas de síndromes respiratórias graves eram diagnosticadas. Após, profissionais de saúde, gestantes e recém nascidos de mães que testaram positivo, também começaram ser testadas.

       De acordo com a prefeitura, com as novas normativas, todas as pessoas que apresentarem sintomas de síndrome gripal serão notificadas e posteriormente testadas.

      Por exemplo, ao entrar em contato com os serviços via telefone de triagem e no atendimento e a pessoa apresentar os sintomas da síndrome, a mesma será encaminhada para consulta presencial e realização de coleta para o exame de diagnóstico.

     Os testes realizados em pacientes são do tipo RT-PCR. No entanto, todos os profissionais de saúde estão sendo testados com os chamados testes rápidos.


Casos de coronavírus em Chapecó

      O boletim epidemiológico apresenta 203 casos notificados e 39 suspeitos. Destes, 35 estão em isolamento domiciliar e quatro estão internados em enfermaria.

       Dos 22 casos confirmados, cinco já estão recuperados e 17 estão em isolamento domiciliar. Já o número de casos descartados equivale a 142 pessoas.

     Em relação aos pacientes de outros municípios internados em Chapecó, se encontram seis casos suspeitos, três confirmados e 15 descartados.

      Além destas informações, o caso suspeito de óbito causada pela Covid-19 foi descartado após resultado negativo em exames.


Dados do estado, país e mundo

      Em Santa Catarina, o governo registra 1.337 pessoas diagnósticas com a doença e 43 mortes.

      As informações divulgadas no fim da tarde de domingo (26) mostram que o número de municípios que apresentam pelo menos um caso da Covid-19 subiu para 122. 

      Foram incluídas nesta lista os municípios de Itá, Ponte Serrada, Tunápolis, Turvo e Xavantina.

      No Brasil, segundo última atualização do Ministério da Saúde na tarde de ontem (26) são 61.888 pessoas infectadas pelo novo Coronavírus com o registro 4.205 óbitos desde o início da pandemia.

      Já no cenário mundial, o índice de casos confirmados é de 2.971.475 e o total de mortes é de 206.544 mortes devido a doença. Os casos de pessoas curadas é de 865.733.

      Devido às diferentes políticas aplicadas por cada país para diagnosticar os casos, o número de diagnósticos positivos pode representar apenas uma parte do total de infecções.

     No Brasil, por exemplo, a situação varia de estado para estado e não há testagem em massa.

 

 

Tire dúvidas ou sugira conteúdos através do WhatsApp ou pelas redes sociais: Facebook e Instagram






Assessoria de Comunicação Vereador Cleiton Fossá

  • Cleiton Fossá | Vereador -

Veja também

Fossá apoia mobilização dos policiais civis13/03/14 Chapecó - Os policiais civis de Santa Catarina realizaram uma manifestação nesta quinta-feira (13), onde pararam suas atividades. A adesão chegou a 100% na região Oeste. Somente serviços de emergência foram atendidos. Usando a camiseta do movimento, o vereador Cleiton Fossá foi à tribuna da Câmara de Vereadores de Chapecó para manifestar apoio às reivindicações da categoria. 'Em janeiro venceu a segunda data......
Fossá critica gastos com publicidade06/09/13 Chapecó - Após a cassação do prefeito de Chapecó, José Caramori, por exceder o limite permitido durante ano eleitoral com gastos com publicidade, o vereador Cleiton Fossá lembra que em maio apresentou na Câmara de Vereadores requerimento pedindo informações......

Voltar para NOTÍCIAS