Postado em 22 de Junho de 2015 às 19h48

Fossá apresenta projeto que acaba com troca de favores

Chapecó (304)Cleiton Fossá (314)Projeto (23)Vereador (224)
Chapecó - O vereador Cleiton Fossá protocolou na tarde desta segunda-feira (22) o Projeto de Lei 93/15, que proíbe os poderes executivo e legislativo municipal de contratar com empresas que tenham feito doações para partidos políticos ou para campanhas eleitorais de candidatos a cargos eletivos. O projeto agora tramitará nas comissões permanentes da Câmara de Vereadores de Chapecó antes de ser analisado pelo Plenário da Casa. O Projeto proíbe executivo e legislativo municipal de celebrar ou prorrogar contrato com empresas ou consórcio de empresas que tenham efetuado doação em dinheiro pelo período de quatro anos, contatos a partir da data da doação. Conforme Fossá, a iniciativa visa evitar atos de improbidade mascarados de legalidade. 'Empresas, com raras exceções, não doam dinheiro para candidatos ou campanhas, elas investem', ressalta o vereador. A proibição, explica Fossá, acaba com a expectativa de que uma doação seja feita visando a algum eventual favorecimento em um processo de contratação. 'Precisamos de pessoas que usem a política para defender a coletividade e o interesse público e não de pessoas que usam a política para enriquecer'. Fossá se elegeu sem dinheiro de doação empresarial e defende o fim desta prática nas eleições. 'Favorece a democracia', finaliza.

Veja também

Projeto na área da saúde será votado nesta terça-feira09/06/14 Chapecó - O projeto de lei 003/14, que dispõe sobre a divulgação das listagens de pacientes que aguardam por consultas com médicos especialistas, exames e cirurgias em toda rede pública municipal de Chapecó, deve ir à votação na sessão ordinária que será realizada nesta terça-feira (10). O projeto é de autoria do vereador Cleiton Fossá. Ele lembra que o parecer jurídico contrário ao projeto foi derrubado pelo......

Voltar para NOTÍCIAS