Postado em 22 de Junho de 2015 às 19h48

Fossá apresenta projeto que acaba com troca de favores

Chapecó (304)Cleiton Fossá (314)Projeto (23)Vereador (224)
Chapecó - O vereador Cleiton Fossá protocolou na tarde desta segunda-feira (22) o Projeto de Lei 93/15, que proíbe os poderes executivo e legislativo municipal de contratar com empresas que tenham feito doações para partidos políticos ou para campanhas eleitorais de candidatos a cargos eletivos. O projeto agora tramitará nas comissões permanentes da Câmara de Vereadores de Chapecó antes de ser analisado pelo Plenário da Casa. O Projeto proíbe executivo e legislativo municipal de celebrar ou prorrogar contrato com empresas ou consórcio de empresas que tenham efetuado doação em dinheiro pelo período de quatro anos, contatos a partir da data da doação. Conforme Fossá, a iniciativa visa evitar atos de improbidade mascarados de legalidade. 'Empresas, com raras exceções, não doam dinheiro para candidatos ou campanhas, elas investem', ressalta o vereador. A proibição, explica Fossá, acaba com a expectativa de que uma doação seja feita visando a algum eventual favorecimento em um processo de contratação. 'Precisamos de pessoas que usem a política para defender a coletividade e o interesse público e não de pessoas que usam a política para enriquecer'. Fossá se elegeu sem dinheiro de doação empresarial e defende o fim desta prática nas eleições. 'Favorece a democracia', finaliza.

Veja também

Vereador critica ausência da prefeitura em reuniões10/08/15 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá aproveitou o recesso parlamentar de julho para visitar a comunidade e promover encontros em bairros de Chapecó. As reuniões de trabalho foram aprovadas pelo plenário da Câmara, ou seja, deixaram de ser um encontro do vereador, mas uma reunião do poder legislativo. 'Foi uma falta de respeito com o poder legislativo, e pior, uma falta de respeito com os moradores que foram às......

Voltar para NOTÍCIAS