Postado em 05 de Junho de 2018 às 14h06

Startups: empreendedorismo, inovação e tecnologia

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – Vale do Silício, localizado na Califórnia. Foi nesta região que surgiu, na década de 1990, a expressão “Startup”, assim foram caracterizadas as...

Chapecó – Vale do Silício, localizado na Califórnia. Foi nesta região que surgiu, na década de 1990, a expressão “Startup”, assim foram caracterizadas as empresas recém-criadas que elaboravam produtos inovadores e tecnológicos. Logo, a criação da Startups ainda representa modelos inovadores de negócios em todas as áreas e, buscam o seu espaço diante as necessidades e devolutiva do mercado.

Diferente das empresas consolidadas, “As Startups, operam em um ambiente de total incerteza, com soluções inovadoras que são repetíveis e escaláveis”, ressalta o empresário, professor e também diretor de tecnologia e inovação da Associação Comercial Industrial Chapecó (ACIC), Gustavo Damschi. De acordo com a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), cerca de 62 mil empreendedores, de todo o Brasil, estão cadastrados no sistema. Ainda 1754 empreendimentos foram registrados no banco de dados da Abstartups entre 2012 e 2016.

Para incentivar a população, o Plano SC@2022, criado em 2011, segundo o Governo do Estado de Santa Catarina, teve como objetivo investir R$ 1 bilhão, até o ano 2014, para fortalecer a educação e o ensino técnico. “O desenvolvimento e colaboração entre os ecossistemas de inovação das regiões de Santa Catarina fazem muito a diferença. Florianópolis é um exemplo que investiu muito nisso e hoje a tecnologia ultrapassa o turismo em faturamento”, ressalta Damschi.

O plano é constituído por quatro programas: novaeconomia@sc, educaçãotec@sc, inovação@sc e meioambientelegal@sc. O projeto visa melhorar a economia, por meio de programas que incentivem o empreendedorismo e a competitividade, qualificar os catarinenses, criar parcerias nacionais e internacionais e contribuir com a preservação do meio ambiente. Ainda, o “Start-UP” Brasil, criado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), é um programa do governo federal que incentiva a criação e o crescimento das startups por meio de editais para a inscrição dos projetos.

Empresas privadas também criaram meios para conhecer as ideias dos perfis empreendedores. Um exemplo disto, é o evento chamado “Startup Weekend Chapecó”, que foi desenvolvido por uma empresa particular e ocorre anualmente. Para participar, os interessados precisam pagar inscrição. Os participantes, com a ajuda de especialistas, precisam elaborar um startup em 54 horas e de acordo com a temática. A eventualidade ocorre ao mesmo tempo em outros municípios catarinenses.

A Ideia é o elemento essencial para se tornar empreendedor. “Empreender se tornou necessidade das empresas, isso não significa abrir uma empresa, ou seja, as empresas demandam de pessoas que saibam inovar, criar melhorias e empreender, dentro das empresas nas quais trabalham. O associativismo e cooperativismo que a região tem enraizada são quesitos cruciais para o desenvolvimento de uma região inovadora, o que torna Chapecó o segundo município mais denso de Startups, entre 20 municípios do Brasil”, frisa Damschi.

"No momento de crise econômica que vivemos, empreender está se tornando cada vez mais necessários para podermos desenvolver a nossa economia, Chapecó tem se mostrada um ótimo celeiro de empreendedores e, o poder público não pode desperdiçar esse valoroso material humano. O poder público precisa dar condições para que possa desenvolver aqui um rico ecossistema de tecnologia e inovação", conclui o vereador Cleiton Fossá.

 

Alessandra Favretto, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Foto: StartSe

Veja também

Cleiton Fossá alerta para retorno de comissionados exonerados23/07/15 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá recebeu diversas denúncias de que muitos comissionados exonerados no início de julho seguem trabalhando nas repartições públicas aguardando suas respectivas recontratações já no mês de agosto e/ou setembro. Ainda, as denúncias detalham que a recontratação dos comissionados exonerados será com salários maiores do que recebiam antes. Conforme Fossá, se o fato for confirmado, a......

Voltar para NOTÍCIAS