Postado em 25 de Outubro de 2013 às 18h33

CPI aprova pedidos de depoimentos

Investigação (5)CPI (9)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)Câmara De Vereadores (17)Asfalto (11)
Chapecó - Os vereadores membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Asfalto se reuniram nesta sexta-feira (25) para o terceiro encontro, sendo o primeiro de caráter deliberativo. Foram analisados 39 requerimentos, todos apresentados pelo vereador Cleiton Fossá, membro da CPI. O autor retirou dois deles. Os 37 requerimentos restantes foram aprovados por unanimidade, sendo que 35 solicitam o envio de informações e documentos. Os órgãos, empresas e autoridades citadas nos ofícios têm dez dias úteis para encaminhar as solicitações à CPI. Os outros dois requerimentos pedem a presença de um representante da Planaterra, única empresa permissionária responsável pela pavimentação asfáltica em Chapecó, e depoimento do vereador Delvino Dall Rosa, que foi o motivador do pedido de CPI, após um pronunciamento na tribuna da Câmara de Vereadores, em 20 de agosto, quando afirmou que 'faltam 63 quadras que não foram feitos asfalto'e que a administração municipal de Chapecó deu a ordem de serviço antes das eleições, 'porque nós tínhamos medo que não votassem em nós'. Avaliação Fossá avalia que os encaminhamentos até agora foram positivos, principalmente pela aprovação dos pedidos de informações e convocações. Mais solicitações neste sentido serão apresentadas após os membros da CPI receberem os documentos. 'As respostas vão provar se o vereador Delvino estava 'brincando', como a base do governo defende, ou se deixou escapar que há irregularidades', avalia. Ainda não há data marcada para a próxima reunião da CPI, que tem 60 dias para apresentar o relatório sobre o assunto, que será analisado pelo plenário da Câmara.

Veja também

Nota oficial: Fossá se pronuncia sobre caso envolvendo Fidélis02/05/14 Chapecó ' Confira a nota oficial do vereador Cleiton Fossá a respeito do acidente do vereador Arestide Fidélis, no dia 1º de maio, que culminou em sua prisão em flagrante e ainda em quatro pessoas feridas, sendo duas gravemente. "Quero me solidarizar e me colocar a disposição da família do colega professor da Unochapecó, Marcos Nunes, que foram vítimas do acidente automobilístico ocasionado por um vereador......

Voltar para NOTÍCIAS