Postado em 06 de Maio às 17h32

Entenda quais são os sintomas menos comuns de Covid-19

Cleiton Fossá | Vereador O vírus da Covid-19 se espalhou rapidamente pelo mundo, tanto que a Organização Mundial da Saúde, decretou estado de Pandemia mundial. Em meio a este cenário caótico, muitas...

O vírus da Covid-19 se espalhou rapidamente pelo mundo, tanto que a Organização Mundial da Saúde, decretou estado de Pandemia mundial. Em meio a este cenário caótico, muitas dúvidas surgem relacionadas à doença.

Entre elas, sobre os sintomas. Os mais comuns são: são tosse, febre e problemas respiratórios. No entanto, eles não são os únicos. Sintomas como diarreia, perda de paladar e olfato também podem aparecer.

Tendo em vista os poucos estudos científicos relacionados com o novo coronavírus, os profissionais encontram dificuldades para especificar cada sintoma e realizar o diagnóstico. Há casos diagnosticados que em muitos momentos são duvidosos.

Através de um estudo da Universidade de Mons, na Bélgica, foi constatado que 86% dos pacientes de coronavírus estáveis, apresentaram problemas de olfato e 88% tinham distúrbios do paladar. Impossibilitando que a pessoa aprecie o sabor da comida.

Normalmente estes sintomas aparecem junto com os sintomas gerais de tosse, dor muscular, perda de apetite e febre. Também com os sintomas de dor facial e nariz entupido, característico da doença.

Já outro estudo da Universidade de Padova, na Itália, demonstra que dos 200 italianos entrevistados, 65% relataram alteração no paladar ou no olfato antes ou logo após serem diagnosticados com a Covid-19.

Estes sintomas fornecem alguns indícios de como o vírus funciona. A apresentação da perda de olfato e não outros sintomas, sugere que o novo coronavírus não bloqueia as vias aéreas como um resfriado ou sinusite.

Desta forma, cientistas sugerem que o microrganismo atinge apenas a parte de via aérea nasal que tem os receptores de odor.

A pesquisa da Bélgica indica que cerca de 44% recupera o olfato em média 15 dias. O restante pode demorar meses. Já a recuperação do paladar pode acontecer antes, ao mesmo tempo ou após o funcionamento o olfato voltar ao normal.

Listamos aqui, para melhor entendimento, alguns sintomas pouco conhecidos:

Dor de cabeça
Tontura e dor no peito
Coriza
Mal-estar
Problemas intestinais
Dores musculares e calafrios
Náusea
Conjuntivite



Entender a presença destes sintomas é essencial para compreender o comportamento do vírus no organismo. Para isso, a pesquisa e a ciência se fazem pertinentes. Enquanto isso, todos nós precisamos nos manter atentos a todo e qualquer sinal para que diminua o ciclo de transmissão do vírus.

Se apresentar qualquer sintoma que não seja natural do seu organismo, procure o atendimento de saúde mais próximo. Evite ir direto ao posto de Saúde, entre em contato com o número: 3321-0027 e realize um atendimento. 

 

Para outras informações e sugestões, você pode entrar em contato através do WhatsApp, ou pelas redes sociais Facebook e Instagram.







Assessoria de Comunicação Vereador Cleiton Fossá

 

  • Cleiton Fossá | Vereador -

Veja também

Chapecó registra primeira morte causada pela Covid-1918/05 Na manhã desta segunda-feira (18) a prefeitura do município confirmou 577 pessoas diagnosticadas com a doença e um óbito confirmado. Dos casos confirmados 439 foram através de teste PCR, 17 de teste rápido e 121 pessoas por vínculo epidemiológico. No total, são 171 casos suspeitos, 770 descartados e 2324 monitorados. Estão recuperadas......
Reunião discute novos cursos no IFSC19/11/14 Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó realizou na tarde desta terça-feira (18) uma reunião de trabalho para tratara sobre a criação de novos cursos no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Campus Chapecó. A iniciativa foi do vereador Cleiton......
Vereadores de Chapecó negam informações sobre o Simprevi23/03/16 Chapecó - Os requerimentos 80/16 e 81/16, de autoria do vereador Cleiton Fossá, que buscavam informações sobre o Sistema Municipal de Previdência de Chapecó (Simprevi) foi rejeitado pela base governista na sessão ordinária desta quarta-feira, dia 23. Além de......

Voltar para NOTÍCIAS