Postado em 11 de Fevereiro de 2014 às 19h08

Fossá critica os 'furos' da Casan

Vereador (224)Problemas (10)Cleiton Fossá (314)Chapecó (304)Casan (7)
Chapecó - Mais um verão e Chapecó novamente sofre com a falta do abastecimento de água em diversos bairros, situação que tem deixado os chapecoenses irritados. O vereador Cleiton Fossá cobrou a direção da Casan. 'Não falta água, o que falta é competência e vontade', critica. Conforme Fossá, o lajeado São José - principal fonte de captação - possui água suficiente, assim como a barragem de Guatambu, que também abastece Chapecó. 'O problema é que 40% da água é perdida na distribuição, pois a rede é antiga e possui muitos furos. O sistema é obsoleto', afirma. Segundo Fossá, se o sistema de distribuição fosse consertado e a Casan investisse mais nos reservatórios localizados em bairros, o problema seria solucionado. 'Não precisa gastar R$ 200 milhões para trazer água do rio Chapecó, basta estancar os furos nos encanamentos. Senão, vão trazer água de outros locais, mas a água continuará a ser desperdiçada nos buracos existentes no sistema', diz. Fossá argumenta que o projeto do rio Chapecó vai demorar anos para sair do papel. 'A população espera soluções urgentes, pois todo ano é a mesma história. Ninguém aguenta mais'.

Veja também

Audiência Pública discute ciclovias em Chapecó01/10/15 Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó promoveu na noite de quarta-feira (30), no plenário do legislativo, Audiência Pública para debater o Projeto de Lei 138/15, que tramita no parlamento chapecoense. O projeto trata sobre a implementação de ciclovia, ciclofaixa, faixa compartilhada, bicicletário e paraciclo em Chapecó. Mais de 50 pessoas, entre autoridades, ciclistas e empresários do ramo participaram do......
Fossá volta a pedir padronização dos pontos de ônibus20/01/16 Chapecó - A Lei Municipal 5.669/2009, que trata sobre a padronização dos abrigos de passageiros do transporte coletivo de Chapecó, foi aprovada pela Câmara de Vereadores em novembro de 2009. Mais de seis anos depois, entretanto, ela ainda não entrou em vigor.......

Voltar para NOTÍCIAS