Postado em 18 de Fevereiro de 2016 às 19h37

Moção contra CPMF é aprovada

Chapecó - A Câmara de Vereadores de Chapecó aprovou, durante sessão realizada nesta quinta-feira, a Moção de Apelo 10/16, de autoria do vereador Cleiton Fossá, contra o restabelecimento da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), prioridade neste ano, da qual o governo federal pretende arrecadar mais de R$ 10 bilhões. A Moção será encaminhada aos presidentes da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e do Senado Federal, Renan Calheiros. Fossá argumenta que a referida iniciativa, caso concretizada, penaliza ainda mais os cidadãos brasileiros, que já passam por dificuldades suficientes em razão do atual cenário econômico. Para o vereador, o governo deve avaliar alternativas antes da criação de nova carga tributária como, por exemplo, o imposto sobre Grandes Fortunas, que já é prevista pela Constituição Federal, mas até hoje não foi regulamentada (artigo 153, inciso VII, da Constituição Federal). Para Fossá, a proposição da Moção mostra a coerência do mandato em relação a ser contra aumento de impostos ou criação de novas taxas. O vereador lembra que em nível municipal votou contra os reajustes das taxas de Custeio da Iluminação Pública (Cosip) e de Coleta de Resíduos (TCR), ambos propostos pelo governo municipal e aprovados em 2013, que impactaram diretamente nos IPTUs dos chapecoenses, amentando, em média, 200% os valores cobrados anualmente dos cidadãos.

Veja também

Fossá se reúne com moradores da Efapi25/02/15 Chapecó - O vereador Cleiton Fossá se reuniu com uma comissão de moradores dos loteamentos Alice I, Alice II e Mirante do Sul, no bairro Efapi. As reivindicações destas comunidades são instalação de telefonia fixa, entrega de correspondência por parte dos Correios, pavimentação asfáltica, iluminação pública, coleta de lixo e, principalmente, a construção de um CEIM e de uma escola de ensino fundamental nesta parte......
Déficit em 2015 da prefeitura de Chapecó superou R$ 32 milhões21/06/17 Chapecó - Os vereadores de Chapecó deliberaram durante a sessão desta quarta-feira, dia 21, sobre a prestação de contas da prefeitura de Chapecó do exercício fiscal de 2015. Embora o Ministério Público de Contas tenha recomendado a rejeição das contas, o......

Voltar para NOTÍCIAS