Postado em 27 de Junho de 2018 às 12h14

Professora Maria Aparecida é Cidadã Honorária de Chapecó

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – A advogada e professora universitária Maria Aparecida Lucca Caovilla recebeu, na noite de terça-feira, dia 26, o título de cidadão honorário de Chapecó,...

Chapecó – A advogada e professora universitária Maria Aparecida Lucca Caovilla recebeu, na noite de terça-feira, dia 26, o título de cidadão honorário de Chapecó, concedido pelo Poder Legislativo, através de proposta do vereador Cleiton Fossá. Doutora em Direito, Política e Sociedade pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a professora atua na área da educação há 23 anos, principalmente, no ensino de Ciências Políticas e Jurídicas.

Maria Aparecida é autora dos livros “Descolonizar”, “O Direito na América Latina: o modelo do pluralismo e a cultura do bem viver” e “Acesso à justiça e cidadania”, tendo como linha principal de pesquisa o acesso à justiça, ensino jurídico, pluralismo jurídico, interculturalidade e constitucionalismo latino-americano. “Sua longa história de luta e engajamento buscando uma sociedade mais justa a faz merecedora deste reconhecimento”, diz Fossá.

Em seu pronunciamento, a nova cidadã chapecoense agradeceu, emocionada, à homenagem. “É uma felicidade receber este título honorário. Agradeço a todos os meus familiares, amigos, alunos e colegas de atividade profissional, por compartilharem comigo, dos meus sonhos de um mundo mais justo, mais fraterno e com mais igualidade social. Prometo continuar servindo a esta cidade com o meu trabalho e dedicadão que sempre tive nestes anos”, finaliza.

 

Bruno Pace Dori, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Álbum de fotos

Veja também

Prefeitura de Chapecó descumpre TAC e recebe multa de R$ 440 mil28/09/15 Chapecó - A prefeitura de Chapecó foi multada em R$ 440 mil pela 13ª Promotoria de Justiça da Comarca de Chapecó e, assim, está impedida de receber transferências de recursos federais até efetuar o pagamento do débito. O Ofício de Protesto de Título já foi comunicado sobre a decisão, assinada pelo promotor Eduardo Sens dos Santos no último dia 14 de setembro. A multa foi aplicada após a administração municipal ter......
Torres Pereira: "A literatura é o ar que respiro. Minha comida!"03/08/18 Chapecó – Inverno, 18º na manhã de sexta-feira, pontualmente às 10h, ele estava em seu lar, mas não literalmente na residência onde vive. Torres Pereira! Rodeado por mesas e estantes de livros, na calmaria do som......

Voltar para NOTÍCIAS