Postado em 21 de Agosto de 2020 às 15h58

Terminal Rodoviário de Chapecó: estrutura limitada e precária



       O Vereador Cleiton Fossá defende uma Parceria Público-Privada (PPP) para o Terminal Rodoviário Intermunicipal de Chapecó, Raul Inês Pigatto Bartolamei. Com uma estrutura limitada e precária, a rodoviária necessita de melhorias e adequações de acessibilidade. 

       O Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC) solicita ao município de Chapecó o cumprimento das normas de acessibilidade no Terminal Rodoviário desde o ano de 2013. Em 15 de fevereiro deste ano, venceu o prazo de 180 dias para o cumprimento das exigências do Ministério Público (MP). Na época, o MP havia condenado o Município em primeira instância por meio de uma Ação Civil Pública. 

       A Ação previa a reforma do piso, mapa de localização tátil para cegos, a presença de um profissional com habilidade em libras, acessibilidade em bebedouros, banheiros e elevador para o segundo piso, já que o terminal possui apenas escadas. O município deveria instalar também um painel interativo para surdos com informações de horários e itinerários, estacionamento e calçada adaptados.


Atuação do mandato

       Cleiton Fossá tem sido assíduo na cobrança à administração municipal acerca do andamento da obra. Um dos requerimentos realizados foi de número 47/2019 e respondido pela Prefeitura com a informação de que existiam projetos e estudos em desenvolvimento.

       Um desses estudos foi subsidiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e em elaboração pela SHD Consultoria e Transportes para concessão do Terminal. A Administração Municipal informou ainda que somente após conclusão de tais estudos, o Município teria ciência de quais obras seriam necessárias para requalificação do Terminal e dos respectivos projetos. 

       Em 14 de maio de 2020, a Prefeitura assinou contrato com a empresa Global Edificações para execução de reforma e adaptações de acessibilidade no Terminal. No entanto, ainda não são observadas obras de reforma de local. Em requerimento enviado à Prefeitura no último dia 18 de agosto, o Vereador Cleiton Fossá solicitou novos esclarecimentos. 

       No documento, Cleiton pediu ao município atualizações acerca da situação atual dos projetos e estudos desenvolvidos pela empresa SHD Consultoria e Transportes para concessão do Terminal e prazos de conclusão para ciência de quais obras seriam necessárias para requalificação do Terminal. 

       Fossá também solicitou a apresentação de qual o montante de recursos destinados até o momento para manutenção do Terminal Rodoviário neste ano; se existe proveito econômico destinado à administração por meio de aluguéis e convênios para uso de espaços de estrutura do Terminal Rodoviário de Chapecó por empresas e/ou pessoas físicas e jurídicas e quais os valores desse montante.

       O Vereador pediu esclarecimentos sobre a data de assinatura de ordem de serviço bem como a situação atual das obras no Terminal Rodoviário e suas respectivas previsões de conclusão. "Não podemos aceitar que um município do porte de Chapecó apresente uma rodoviária com estrutura tão precária e sem acessibilidade.

       Sonhamos com um terminal atrativo, bonito e que se torne um cartão-postal do município. Enviamos vários requerimentos, aguardamos respostas e, principalmente, ações", reforçou Cleiton Fossá.

Participe, apresente sua demanda ao vereador e fique por dentro da atuação do mandato por meio das nossas redes sociais: Facebook - Instagram e nosso WhatssApp.



Assessoria de Comunicação Vereador Cleiton Fossá

Veja também

Saúde não é favor, é obrigação do gestor público!02/12/19         Não é nenhuma novidade que Chapecó está entre as melhores cidades para se viver dentro do Estado de Santa Catarina. Nos destacamos até mesmo no cenário nacional. Somos também, referência no Brasil em produção agroindustrial.         Estamos entre as poucas cidades brasileiras que antes dos 100......
Por que votar em Cleiton Fossá?01/10/18 Chapecó – Falta menos de uma semana para as eleições. O tempo para os eleitores escolherem os seus representantes é curto. Logo, é necessário aproveitar este tempo e analisar o histórico e o trabalho dos......

Voltar para NOTÍCIAS