Postado em 10 de Outubro de 2017 às 12h59

Vereadores de Chapecó rejeitam R$ 10 milhões para saúde e educação

Chapecó - Na votação do Plano Plurianual (PPA) para o período de 2018 a 2021, os vereadores da base governista votaram contra as emendas do vereador Cleiton Fossá, que transferia R$ 10 milhões da Secretaria de Comunicação Social, previsto para gastos com publicidade, para as Pastas de Saúde e Educação. Na proposta apresentada por Fossá, os R$ 10 milhões seriam investidos no Hospital da Criança, em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) na região da Efapi, e na efetivação de CEIMs com horários ampliados para atendimento de filhos de trabalhadores das agroindústrias e do comércio. Porém, os vereadores da base do prefeito Luciano Buligon (PSB) rejeitaram a proposta. No PPA estão previstos R$ 21 milhões para gastos em publicidade nos próximos quatro anos. Fossá ressalta que mesmo com a destinação de R$ 10 milhões para saúde e educação, ainda sobrariam R$ 11 milhões para propaganda. Entre janeiro de 2013 e maio de 2017, a prefeitura de Chapecó gastou quase R$ 7 milhões com publicidade. Após a repercussão negativa na sociedade, os vereadores governistas alegaram que o PPA não serve para apontar os recursos financeiros, sendo somente através da Lei Orçamentária Anual (LOA). Porém, o PPA também é uma peça orçamentária, que prevê despesas e receitas por quatro anos, enquanto a LOA prevê a execução das prioridades do PPA.   Como votaram os vereadores: Contrários ao investimento de R$ 10 milhões em saúde e educação Célio Portela (PSD) Civaldo Mendes (PSD) Ildo Antonini (DEM) Orides Antunes (PSD) Carlinhos Nogueira (PSD) Aderbal Pedroso (PSD) Dino Dall Rosa (PSB) Claimar De Conto (PP) Joãozinho Siqueira (PP) Arestide Fidélis (PSB) Diego Alves (PP) Valdemir Stobe (PTB) Favoráveis ao investimento de R$ 10 milhões em saúde e educação Neuri Mantelli (PRB) Cleber Ceccon (PT) Jatir Balbinot (PDT) Derli Maier (PMDB) Cleiton Fossá (PMDB)   [embed]https://www.facebook.com/vereadorcleitonfossa/videos/1288773907895429/[/embed]

Veja também

Comissionados custam um “Elevado da Sadia” por ano10/08/18 Chapecó – A prefeitura de Chapecó assinou no dia 8 de agosto financiamento de R$ 15 milhões, junto à Caixa Econômica Federal, para a construção do “Elevado da Sadia”, no entroncamento das avenidas São Pedro, Atílio Fontana, Leopoldo Sander e Contorno Viário Oeste. O Projeto 190/2017, aprovado pela Câmara em 18 de dezembro de......

Voltar para NOTÍCIAS