Postado em 26 de Abril de 2018 às 15h13

CEIM Pequenos heróis: momento de união e solidariedade

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – Na terça-feira, 24, um homem de 53 anos, com uma Montana, invadiu o Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) Pequenos Heróis, no loteamento Colatto, bairro Efapi....

Chapecó – Na terça-feira, 24, um homem de 53 anos, com uma Montana, invadiu o Centro de Educação Infantil Municipal (CEIM) Pequenos Heróis, no loteamento Colatto, bairro Efapi. Vinte e quatro crianças, entre quatro e cinco anos, e uma professora estavam na sala que foi invadida pelo veículo. “Na hora do acidente eu estava com as crianças. Levantei e procurei por ajuda. Eu tive uma luxação e alguns cortes, mas ainda estou assustada com o que aconteceu, é difícil explicar”, afirma a professora Joelma de Paula.

De acordo com a Polícia Militar, o homem fez o teste do bafômetro e assim foi constatado que ele estava embriagado. A creche tem 182 alunos e 24 funcionários. Oito crianças ficaram feridas e duas foram internadas em estado grave. “Os pais e os professores são bem unidos, então é muito importante que a comunidade colabore, até mesmo porque muitas crianças não querem voltar pra escola, assim como eu me assustei elas também ficaram assustadas, elas sentem medo”, ressalta Joelma.

O condutor do veículo confessou à polícia que, além de ter consumido bebida alcoólica, ele também fez uso de medicamentos que não podem ser misturados. A justiça converteu a prisão em flagrante em prisão preventiva, sem prazo para terminar. “É necessário fazer a reflexão, mas as pessoas recebem orientações, estão cansadas de saber que álcool e volante não são combinações boas”, conclui a professora. A justiça ainda interpretou que liberar o motorista poderia incentivar outras ações similares.

“Nesse momento em que o fato virou notícia nacional, além das crianças e das famílias que estão passando por dificuldade e que precisam receber cuidados, não podemos nos esquecer dos gestores, professores, serventes, merendeiras e estagiários do CEIM, que também precisam de apoio para superar este acontecimento tão triste”, frisa Cleiton Fossá.

 

Alessandra Favretto, Assessoria de Comunicação Vereador Cleiton Fossá

Foto: Willian Ricardo/ClicRDC

Veja também

Educação: Chapecó está fazendo o tema de casa?07/05/18 Chapecó – A cidade de Chapecó conta com 84 escolas de ensino fundamental e 30 de ensino médio. De acordo com os dados de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE), 9.749 estudantes foram matriculados no ensino fundamental nas escolas municipais, e 12.164 em redes de ensino estadual. Já no ensino médio 6.162 pessoas fizeram a matrícula em escolas......
Educação Infantil de Chapecó: Um direito de todos os chapecoenses02/05/19         A sociedade brasileira obteve grandes conquistas com a Constituição Federal de 1988, sendo uma delas a Educação Infantil como um direito de todos, onde o Estado tem o dever de ofertar a vaga.  ......
Torres Pereira: "A literatura é o ar que respiro. Minha comida!"03/08/18 Chapecó – Inverno, 18º na manhã de sexta-feira, pontualmente às 10h, ele estava em seu lar, mas não literalmente na residência onde vive. Torres Pereira! Rodeado por mesas e estantes de livros, na calmaria do som......

Voltar para NOTÍCIAS