Postado em 22 de Novembro de 2017 às 20h53

Fossá cobra Justiça no caso de desvio de recursos da Merenda Escolar

Chapecó – A Justiça Federal de Chapecó iniciou nesta semana as audiências para audição de testemunhas sobre o caso de irregularidades na licitação e contratação de empresa para o fornecimento de merenda escolar em Chapecó. Conforme denúncia do Ministério Público Federal (MPF), fiscalização realizada pela Controladoria-Geral da União constatou diversas ilegalidades no procedimento licitatório, na contratação da empresa e na execução do contrato.

Tudo isso, segundo a denúncia, resultou em superfaturamento no valor dos serviços prestados, com um dano ao erário de R$ 7,9 milhões, entre março de 2007 e setembro de 2009. Conforme o vereador Cleiton Fossá (PMDB), este é mais um caso de forte suspeita de corrupção envolvendo a prefeitura de Chapecó. Na tribuna da Câmara, ele lembrou da operação 'Manobra de Osler', desencadeada pela Polícia Federal, que apurou desvio de recursos na Pasta da Saúde.

'Infelizmente, as duas maiores Secretarias de Chapecó, a Saúde e a Educação, viraram caso de Justiça. E a população é quem sofre agora com os milhões desviados, na falta de medicamentos, com a falta de vagas nos CEIMs, entre outros', comenta o vereador. Fossá garante que seguirá acompanhando os dois casos e cobrando que haja uma punição aos envolvidos e ressarcimento dos valores desviados. 'Precisamos ser intolerantes com a corrupção. Não podemos aceitar'.

 

Bruno Pace Dori, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Veja também

Fossá visita Hospital da Criança e constata demora no atendimento15/05/15 Chapecó – O vereador Cleiton Fossá esteve no final da tarde de sexta-feira (15) no Hospital da Criança (HC) e presenciou dezenas de mães e pais com seus filhos nos colos, esperando atendimento, em alguns casos a mais de seis horas. Além disso, como no local não há espaço para espera de familiares, as pessoas precisam ficar do lado de fora do......

Voltar para NOTÍCIAS