Postado em 30 de Agosto de 2020 às 09h37

Nova Matriz Econômica: Inovação e Tecnologia são bandeiras do mandato de Cleiton Fossá


       Santa Catarina é o 4ª maior estado em tecnologia do país conforme estudo da Tech Report 2020

       O faturamento total do setor de tecnologia brasileiro em 2019 foi de R$ 240 bilhões, montante que representa 3,3% do PIB brasileiro. Em Santa Catarina, o valor faturado em 2019 foi de R$ 18 bilhões, que correspondem a 7,4% do faturamento do setor de tecnologia brasileiro.

     Os números ultrapassam estados como Minas Gerais e Rio de Janeiro e consolidam Santa Catarina como o 4ª maior estado em tecnologia do país e o que mais cresceu em número de empresas de tecnologia.

      Os dados são do estudo Tech Report 2020, realizado pelo Observatório da Associação Catarinense de Tecnologia (ACATE) e pela Neoway, com apoio do Finep divulgado no último dia 18 de agosto com base em dados de 2015 a 2019.

       Com todos esses dados positivos, Cleiton Fossá defende o desenvolvimento de uma nova matriz econômica para o município de Chapecó, fundamentada na tecnologia e inovação.

       Desde o início da trajetória na Câmara, ainda em 2013, Fossá apoiou a Política Municipal de Incentivo à Inovação e Tecnologia e a posterior criação da Lei da Inovação.

       O Vereador também acompanhou de perto o projeto e a construção do Centro de Inovação Tecnológica de Chapecó Prefeito Ledônio Faustino Migliorini. O Centro está quase pronto e aguarda a colocação dos móveis.

       A conclusão do Centro de Inovação Tecnológica será um impulso para o crescimento da Inovação e Tecnologia no Estado. De acordo com o estudo da Tech Report, Santa Catarina é o segundo estado do Brasil com maior percentual de alunos do ensino superior em cursos voltados às competências de tecnologia. São 34,7 mil matrículas e cerca de quatro mil alunos em fase de conclusão de curso.


Política Municipal de Incentivo à Inovação e Tecnologia

       Cleiton Fossá foi um dos principais apoiadores da Política Municipal de Incentivo à Inovação e Tecnologia, conhecida como Lei da Inovação aprovada em 2013. Na época, o vereador realizou diversas reuniões de trabalho com o objetivo de debater e ajudar na construção do Projeto de Lei.

       Fossá tem dialogado com entidades para a promoção da Tecnologia e Inovação para o município. Desde 2013, Cleiton dialoga com entidades como Unochapecó, Senai, Senac, Unoesc, UFFS, DEATEC, Sebrae/SC, OAB, ACIC e Udesc para que Chapecó seja reconhecida em nível nacional como protagonista no setor de Tecnologia e Inovação.

        Criado pela Lei Municipal ainda em 2013, o Fundo Municipal tem o objetivo de estimular o desenvolvimento tecnológico do município e apoiar, mediante incentivo financeiro a implantação, expansão e a reativação de projetos industriais, comerciais e de prestação de serviços de microempresas, empresas de pequeno porte, médio e grande porte.

        No entanto, o fundo não tem recebido recursos, o que prejudica o desenvolvimento de políticas eficientes no setor. 

       Fossá entende que é importante fortalecer a economia de Chapecó e acompanhar o contribuir para o crescimento de Santa Catarina, já que o estado cresceu 11,8% no setor de tecnologia no período de 2015 a 2019. Mesmo diante do baixo crescimento da economia brasileira, foram fundadas 4.112 novas empresas no setor de tecnologia nos últimos três anos em Santa Catarina.

       Somente em 2019, o setor de tecnologia catarinense gerou 3,4 mil novas vagas de trabalho. O ecossistema de tecnologia catarinense é o sexto maior do país em número de empresas com crescimento de 7,7% no ano passado.

       O estudo apontou ainda que as mesorregiões do estado de Santa Catarina são polos de tecnologia. O Oeste Catarinense aparece em quarto lugar com 10,6%. A Grande Florianópolis é a líder em representativa com 32,5% do total de empresas. 

   "Precisamos proporcionar investimentos para a matriz econômica do agronegócio, agroindústria. Mas também precisamos de um olhar muito atento para as matrizes econômicas emergentes, a tecnologia e inovação, que são o futuro.

       Além de ambientalmente limpa, essa nova matriz fortalecerá a economia de Chapecó, pois permitirá a absorção dos profissionais que se formam nas universidades e institutos de ensino, que atualmente buscam outras cidades polos para trabalhar", reforça Cleiton.

Participe, apresente sua demanda ao vereador e fique por dentro da atuação do mandato por meio das nossas redes sociais: Facebook - Instagram e nosso WhatssApp.






Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá 

Veja também

Posto de Saúde do Esplanada ainda não está pronto19/06/20 Nos últimos dias do mês de julho de 2014, às obras do Posto de Saúde do Esplanada iniciaram. Um investimento de milhões de reais que beneficiaria milhares de pessoas de Chapecó e Região. Contudo, nestes últimos seis anos, a obra pouco evolui. Por cerca de dois anos esteve parada e ocupada por famílias morando no local. Foi somente em 15 de Janeiro......
Projeto regulamenta feiras livres de agricultores em Chapecó30/10/18 Chapecó – A Câmara de Vereadores de Chapecó votará até o final deste ano o Projeto de Lei 97/2018, que trata sobre a regulação de Feiras Livres de Agricultores em Chapecó. A iniciativa é uma......

Voltar para NOTÍCIAS