Postado em 14 de Novembro de 2018 às 14h35

Orçamento não contempla recursos para pavimentação asfáltica

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – O orçamento de Chapecó para 2019 é de R$ 1.032 bilhão, conforme a Lei Orçamentária Anual (LOA) que está em tramitação na Câmara...

Chapecó – O orçamento de Chapecó para 2019 é de R$ 1.032 bilhão, conforme a Lei Orçamentária Anual (LOA) que está em tramitação na Câmara de Vereadores para análise e aprovação. As duas áreas com maiores orçamentos são Saúde e Educação, com R$ 274,7 milhões e R$ 206,1 milhões, respectivamente. Logo após, aparece a Secretaria de Infraestrutura Urbana, com R$ 134,8 milhões.

O vereador Cleiton Fossá explica que esta pasta é a responsável por realizar a manutenção da cidade, como coleta de galhos, troca de lâmpadas, corte de grama, manutenção de parques e praças, operação tapa buraco e conserto de ruas de chão batido, entre outros serviços em via pública. O Seinfra conta atualmente com 13 equipes, que fazem trabalho itinerante nos bairros de Chapecó.

Cleiton Fossá ressalta que, do total orçado para o Seinfra, estão previstos R$ 90 milhões para o recapeamento, recuperação e manutenção das vias públicas, R$ 16 milhões para a iluminação pública e R$ 28,3 milhões para o saneamento básico. “Igual aos últimos anos, não estão previstos investimentos em pavimentação asfáltica, o que é uma pena, pois é o pedido de muitos cidadãos”.

Área Rural

Já os serviços públicos na Zona Rural de Chapecó é de responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente (Sedema), que terá orçamento de R$ 12,7 milhões. A pasta é incumbida pelo cascalhamento e patrolamentos das estradas principais e secundárias de todos os Distritos, Linhas e Comunidades, bem como, outros serviços públicos necessários.

Emendas

Cleiton Fossá apresentou quatro emendas na LOA. A primeira destina R$ 2 milhões para a Secretaria de Educação, para a implementação de mais vagas em regime integral nos CEIMs e horários alternativos para filhos de trabalhadores da agroindústria e do comércio. Outra emenda destina R$ 1,5 milhão para a Vigilância Sanitária, a fim de ser revertida à causa animal.

As outras duas emendas são na área da saúde. Uma delas é endereçada ao setor de Atenção Especializada, repassando R$ 2 milhões para agilização do atendimento e para melhorias físicas no Hospital da Criança. A outra emenda é para a Atenção Básica, destinando R$ 2 milhões para ampliar e dar maior rapidez às consultas de média complexidade e para os exames médicos.

 

Bruno Pace Dori, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Veja também

Inspire-se: De tijolo em tijolo a história de Luiz Leonel Leal é construída01/05/20 Uma vida sofrida, de muito trabalho, superação e dedicação. Assim, pode ser definida a história que você vai conhecer e se inspirar. Luiz Leonel Leal, tem as mãos calejadas do trabalho duro do dia a dia. É cimento para um lado, tijolo do outro e muita história para contar. O pedreiro que não sabe fazer outra coisa, senão trabalhar......
FIES prorroga prazo para inscrições28/02/18 Chapecó – As inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) estavam previstas para encerrar nesta quarta-feira (28). Entretanto, o sistema registrou 387.488 inscrições concluídas e 427.431......
Vereador Fossá pede abertura de CPI da Saúde10/03/17 Chapecó – O vereador Cleiton Fossá apresentou na tarde desta quinta-feira, dia 12, requerimento solicitando a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) pela Câmara de Vereadores de......

Voltar para NOTÍCIAS