Postado em 18 de Julho de 2020 às 16h02

Idoso, entenda quem pode acessar o transporte coletivo durante a pandemia

Cleiton Fossá | Vereador Ao cidadão idoso é preciso ser garantido o direito à locomoção, à autonomia privada, condições de vida apropriada, acesso aos bens culturais,...

Ao cidadão idoso é preciso ser garantido o direito à locomoção, à autonomia privada, condições de vida apropriada, acesso aos bens culturais, participação e integração na comunidade e principalmente, o direito à vida.

Com esse entendimento, é reafirmado, que aquelas pessoas que muito contribuíram ao longo de sua vida com a sociedade e continuam contribuindo, tenham os mesmos direitos de que qualquer outro cidadão.

Contudo, em meio à uma pandemia mundial, causada pelo novo coronavírus, os idosos que são considerados do grupo de risco, foram privados de um elemento básico, o transporte coletivo urbano.

Essa proibição busca manter os idosos fora de ambientes com aglomeração de pessoas, para evitar a proliferação e infecção de um vírus que já vitimou mais 77 mil brasileiros até o momento.

Em Chapecó, a administração municipal segue as determinações estaduais, assim como muitas outras cidades de Santa Catarina. Desde o dia 22 de junho que os ônibus estão circulando nas ruas da Capital do Oeste Catarinense. O Cenário que se vê, são pessoas com máscara, sentadas distantes umas das outras e utilizando álcool gel.

Apesar de já estar em vigência, às determinações de privar os idosos do transporte público, gera bastante dúvidas à população. Principalmente aos idosos que precisam trabalhar e utilizar deste meio de transporte como maneira de locomoção.

Dessa maneira, separamos aqui, informações oficiais, da Prefeitura de Chapecó, sobre o transporte coletivo urbano, específico para os idosos. São questionamentos que o Vereador Cleiton Fossá, enviou a administração municipal.



Os idosos podem utilizar o transporte coletivo para ir trabalhar?

Os idosos que apresentarem comprovação da necessidade da utilização do transporte coletivo, de acordo com os Decretos nº 38.987/20 e nº 39.041/20, para realizar consultas eletivas, e trabalhar, poderão utilizar o transporte, mediante autorização.

Como conseguir a autorização?

A solicitação deverá ser direcionada à Secretaria de Defesa do Cidadão e Mobilidade - SEDEMOB através do email gertransporte@chapeco.sc.gov.br ou pessoalmente na Gerencia de Fiscalização de Transportes Públicos da Secretaria.

Como é realizada a fiscalização com os idosos no dia a dia?

De acordo com a Prefeitura, as fiscalizações das medidas restritivas estão ocorrendo de conformidade com o previsto em lei. Em especial, a Vigilância Sanitária semanalmente, até o final do mês de julho, inspeciona o transporte das grandes agroindústrias, por recomendação do Ministério Público do Trabalho.

Além disso, na retomada do transporte coletivo, os fiscais estiveram no Terminal Urbano acompanhando o deslocamento das pessoas, e naqueles momentos não identificou-se idosos utilizando o transporte público.
 

 

>>> Fique por dentro da atuação de Cleiton Fossá pelo WhatsApp, ou através das redes sociais: Facebook e Instagram.




Fonte: Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá





    Veja também

    Cobranças para padronização dos pontos de ônibus começam a surtir efeito17/01/20         Quem utiliza o transporte coletivo de Chapecó sente na pele as dificuldades impostas pela má qualidade dos pontos de ônibus, tanto na região central da cidade, quanto, e principalmente, nos bairros.         Desde o primeiro ano de mandato, em 2013, o gabinete cobra a padronização das paradas de ônibus da cidade. Em......
    Fossá faz visitas à comunidade10/04/15 Chapecó - Mesmo licenciado sem remuneração do cargo, o vereador Cleiton Fossá continua realizando reuniões nas comunidades de Chapecó. Na última semana, Fossá esteve na última semana nos bairros Efapi, Santo Antônio, Eldorado, Bom Pastor, no distrito de......
    Fossá critica gastos com publicidade06/09/13 Chapecó - Após a cassação do prefeito de Chapecó, José Caramori, por exceder o limite permitido durante ano eleitoral com gastos com publicidade, o vereador Cleiton Fossá lembra que em maio apresentou na Câmara de Vereadores requerimento pedindo informações......

    Voltar para NOTÍCIAS