Postado em 07 de Junho de 2018 às 17h27

Índice de resolução de homicídios em Chapecó é destaque

Cleiton Fossá | Vereador Chapecó – O município de Chapecó é o quinto mais violento de Santa Catarina em número de crimes contra a vida. Desde o início de 2017 até agora foram registradas 55...

Chapecó – O município de Chapecó é o quinto mais violento de Santa Catarina em número de crimes contra a vida. Desde o início de 2017 até agora foram registradas 55 mortes violentas na maior cidade do Oeste catarinense. De todos os homicídios, apenas um segue sem ser solucionado, o que faz da Polícia Civil de Chapecó a mais eficiente em resolução de crimes violentos no Estado, sendo esse índice destaque no Brasil.

Conforme o delegado Vagner Papini, da Divisão de Investigação Criminal (DIC), o único crime contra a vida ainda não solucionado ocorreu em novembro de 2017 no loteamento Zanrosso, bairro Efapi. Um homem de 21 foi morto a tiros, sendo que o caso segue em investigação. O delegado atribui o alto índice de resolução de crimes ao empenho e preparo dos policiais civis e pela rapidez no início do processo de investigação.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina, Chapecó é o quinto município do Estado com maior número de homicídios, ficando atrás de Florianópolis, Joinville, Blumenau e Itajaí. Das 55 mortes violentas registradas em Chapecó neste um ano e meio, 38 ocorreram em 2017, sendo 37 homicídios e 1 latrocínio. Em 2018 foram 17 crimes contra a vida, com 15 homicídios, 1 latrocínio e 1 feminicídio.

O vereador Cleiton Fossá elogia o alto índice de resolução de mortes violentas, que é comparado ao de países de primeiro mundo, já que praticamente 100% dos casos foram solucionados e os autores levados à justiça. “Mesmo com uma estrutura muita vezes aquém do ideal, os policiais civis, assim como os policiais militares, desempenham muito bem suas atividades e os números positivos são a prova disso”, comentou Fossá.

 

Bruno Pace Dori, Assessoria de Comunicação Cleiton Fossá

Veja também

Reunião discute clandestinidade de marmorarias24/09/13 Chapecó - Foi realizada na tarde de ontem, no plenário da Câmara de Vereadores de Chapecó, reunião de trabalho sobre a forma de deliberação de funcionamento, concessão de alvarás sanitários, e exigências para o funcionamento das sociedades empresariais dos setores de mármores, granitos e afins, com enfoque nos processos de produção e consequente manutenção da preservação ambiental. A iniciativa foi proposta através......
Educação: Um direito de todos23/04/19         Todos nós, cidadãos de Chapecó e do Brasil independente da idade ou classe social estamos em um constante processo de aprendizagem.          Com o desenvolvimento do Estado Moderno......
Resposta sobre pedido de cassação de Cleidenara Weirich06/10/17 Chapecó ' Em nota intitulada 'Risco de oportunismo no caso Cleidenara', publicada na coluna do Marcelo Lula, jornal Sul Brasil, e comentário do mesmo jornalista no programa Bastidores, na rádio Super Condá, na qual sou diretamente citado, é......

Voltar para NOTÍCIAS